“Botar um roçado depois ir pro forró”: festa e trabalho na Serra da Gameleira (RN).

Flávio Rodrigo Freire Ferreira

Resumo


O presente artigo objetiva compreender como festa e trabalho, informam sobre a organização social na Serra da Gameleira (RN). Apresenta-se a serra com suas divisões: Gameleira de Baixo, Gameleira de Cima e Chaves Belas. A seguir articulam-se as categorias de forrozeiros e roceiros na prática. É perceptível a importante relação existente entre “tempo de trabalho” e “tempo de festa”. Para uma melhor compreensão foi elaborado um calendário que articula essas dimensões. Por fim concluímos mostrando que o trabalho na serra, bem como as festas de forró, aparece como momentos propícios à cooperação entre as pessoas e aos encontros entre os diferentes grupos sociais no espaço da Serra.

Palavras-chave


Festa de forró. Serra da Gameleira. Trabalho.

Texto completo:

PDF

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Revista Brasileira de História & Ciências Sociais - RBHCS

Qualis Capes B1 - A Nacional

ISSN 2175-3423

 

 

A Revista Brasileira de História & Ciências Sociais utiliza  Licença Creative Commons Attribution 4.0

Creative Commons License

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia