Cinema e reconstrução da experiência: os contratistas de viñas em Historias de un hombre de 561 años.

Pablo Alvira

Resumo


Com base na proposta que o uso do cinema como fonte permite-nos chegar ao conhecimento de como homens e mulheres viveram processos históricos, este artigo usa o filme argentino Historias de un hombre de 561 años com a finalidade de reconstruir as condições de trabalho e de vida dos contratistas de viñas da província de Mendoza (Argentina), no final dos anos 1960. É uma abordagem orientada a reconstrução do âmbito da experiência imediata dos sujeitos: processos de trabalho, condições de vida, imaginários, e as relações de solidariedade e conflito na sua interação diária com outros trabalhadores vitícolas e com a burguesia agroindustrial. Esse âmbito da experiência é necessariamente estudado no contexto do desenvolvimento específico do capitalismo na Argentina.

Palavras-chave


Argentina. Contratistas de viñas. Cinema.

Texto completo:

PDF

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Revista Brasileira de História & Ciências Sociais - RBHCS

Qualis Capes B1 - A Nacional

ISSN 2175-3423

Desde 07 de março de 2009 

 

A Revista Brasileira de História & Ciências Sociais utiliza  Licença Creative Commons Attribution 4.0

Creative Commons License

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia