Homens viciosos de vivo entendimento: os espanhóis da América como sujeitos de reforma pela dieta no tratado de Juan de Cárdenas (México, 1591)

Alexandre C. Varella

Resumo


Problemas y secretos maravillosos de las Indias, do médico Juan de Cárdenas formado na Universidad de México, é o objeto central da análise. Está no cerne do tratado do imigrante a instrução, senão admoestação aos espanhóis nascidos ou criados no Novo Mundo por seguir as regras de dieta numa terra de clima tropical, com alimentos e hábitos diferentes da Espanha e em boa parte emprestados aos indígenas. Procurador da distinção social em termos aristocráticos e doutos, busca um sujeito ideal, que teria corpo de compleição sanguínea e colérica, para usufruir com cuidado a região que traria enfermidades fleumáticas. O criollo devia selecionar práticas ancestrais e precaver-se de crenças e invenções culinárias no cadinho de povos e tipos sociais. O principal objetivo do artigo, portanto, é analisar o discurso que seja do profissional ou professoral de Cárdenas, por modificar pela dieta os espanhóis bem nascidos na América.


Palavras-chave


dietética - corpo criollo - Contra-Reforma

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.14295/rbhcs.v9i17.422

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Revista Brasileira de História & Ciências Sociais - RBHCS

Qualis Capes B1 - A Nacional

ISSN 2175-3423


 

Indexada em: 

 

A Revista Brasileira de História & Ciências Sociais utiliza  Licença Creative Commons Attribution 4.0

Creative Commons License

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia