As impossibilidades da “lusofonia” e as narrativas acerca do “outro e do “eu” entre Brasil e Portugal

Túlio de Souza Muniz

Resumo


A relação Brasil e Portugal é pautada pelo distanciamento recíproco entre dois países que tantas semelhanças guardam entre si, mas que não conseguem aproximar-se nas suas diferenças. Este ensaio visa refletir sobre esse distanciamento, a partir de uma análise da construção do estereotipo do “outro” por ambas as partes para concluir sobre as impossibilidades da “lusofonia”, um conceito que so tem operacionalidade do lado lusitano

Palavras-chave


alteridade, diferença, lusofonia

Texto completo:

PDF

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Revista Brasileira de História & Ciências Sociais - RBHCS

Qualis Capes B1 - A Nacional

ISSN 2175-3423

 

 

A Revista Brasileira de História & Ciências Sociais utiliza  Licença Creative Commons Attribution 4.0

Creative Commons License

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia