Nas tramas do poder local: a família de Francisco de Oliveira Porto e a Câmara Municipal de Rio Pardo, Província do Rio Grande de São Pedro - 1811/1830

Ricardo Schmachtenberg

Resumo


A partir das últimas décadas tem-se ampliado os estudos sobre família e principalmente sobre sua relação com algumas instituições, dentre elas as câmaras municipais. É nessas instituições que algumas famílias, ao longo do período colonial e imperial brasileiro, dominaram o cenário político e monopolizaram os principais cargos da câmara municipal. Além disso, a formalização de redes e relações entre diferentes famílias configuraram ainda mais esse cenário, onde as famílias, a partir de alianças, especialmente matrimoniais, se consolidaram entre as principais integrantes desse importante órgão administrativo brasileiro durante o período colonial e imperial. Esse artigo procura analisar a relação e as redes que existiram em torno da família do negociante Francisco de Oliveira Porto e a Câmara Municipal de Rio Pardo no período de 1811 a 1830.

Palavras-chave


família, redes, estratégias

Texto completo:

PDF

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Revista Brasileira de História & Ciências Sociais - RBHCS

Qualis Capes B1 - A Nacional

ISSN 2175-3423

Desde 07 de março de 2009 

 

A Revista Brasileira de História & Ciências Sociais utiliza  Licença Creative Commons Attribution 4.0

Creative Commons License

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia